Política

Futura secretária de Educação de Goiás promete melhor aproveitamento de recursos

A professora Fátima Gavioli, que será a titular da Secretaria de Educação do governo de Ronaldo Caiado, se encontrou ontem com o atual secretário, Flávio Peixoto, para iniciar o processo de transição da pasta.

Ela já comandou a Secretaria de Educação em Rondônia, foi cotada para assumir a pasta em Minas Gerais e Rio Grande do Sul, mas optou por Goiás. Fátima garantiu que vai fazer uma ampla análise no quadro de servidores para realizar um enxugamento da máquina e aproveitar melhor os recursos da pasta nas escolas.

O objetivo da secretaria para os próximos anos é melhorar a qualidade de trabalho dos profissionais da educação e o aprendizado dos alunos. “No geral, a minha intenção é rodar Goiás, entrar nas escolas, conhecer as hortas, as cozinhas, conhecer os banheiros das crianças e ver onde é que realmente a gente precisa aplicar as verbas da educação”, explicou.

A futura secretária pretende implementar também a Seduce Intinerante para evitar que os coordenadores regionais precisem se deslocar até a capital, reduzindo custos desnecessários. “É um governo que está começando sem politicagem e o governador me deu autonomia para trabalhar. Pretendo estar presente nas escolas, olho no olho. Essa vai ser a marca da administração”, completou.

Matérias relacionadas