Eventos

Governador Ronaldo Caiado espera bens confiscados de Marconi para pagar funcionários

Foto: Comunicação Palácio das Esmeraldas

Em evento de inauguração da revitalização da sede do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), hoje (31), Ronaldo Caiado provocou o ex-governador Marconi Perillo. “Que o dinheiro arrestado de Marconi Perillo e outros integrantes do governo anterior sejam utilizados para pagamento dos servidores públicos”, disse.

Ao ser questionado sobre a possibilidade de um novo cronograma de pagamento dos salários de dezembro dos servidores da educação, o governador respondeu que irá haver modificações “porque agora, como a justiça está arrestando bens daqueles que espoliaram o Estado. Eu tenho a esperança que seja repassado ao tesouro o mais rápido possível para pagar todos os servidores do Estado”.

Processo de bloqueio dos bens do ex-governador Marconi Perillo

Do ponto de vista da justiça e da administração pública o processo de bloqueio de R$ 22 milhões e parte dos bens do ex-governador não significa a devolução dos recursos para os cofres públicos. Esse movimento de devolução dos bens só acontece no fim do julgamento do caso.

Durante a inauguração da reforma, o desembargador Gilberto Marques Filho também se despediu do seu mandato de presidente do TJGO, o desembargador Walter Carlos assume a presidência amanhã, dia 1º. O prefeito Iris Rezende também participou da solenidade que teve, em um dos momentos, uma Missa celebrada pelo arcebispo de Goiânia, Dom Washington Cruz.

Matérias relacionadas